domingo, 11 de novembro de 2007

Bzzzzz.... Já foste!!!


Já pensaram o que era vivermos rodeados destes amiguinhos? As doenças tropicais que muitos de nós nem conhece? O termos de cheirar a pomadas ou vinagre, para aliviar as picadas?
A catástrofe que seria?
"O tempo está maluco", é o que mais ouço dizer, mas ninguém está preocupado em mudar... Depois admiram-se com pragas de mosquitos no (quase) inverno (que nesta altura já deviam estar bem longe, à procura do calor), ou aranhas como as que tenho visto... ou ainda o misterioso bicho voador que picou a minha vizinha e a deixou toda roxa durante um mês!
E não, não vivemos no fim do mundo... só nos esquecemos de perceber que conforme avançamos nas tecnologias, as espécies avançam também... Será que já ninguém se lembra da história das borboletas pretas (castanhas) da noite?
Ok, eu relembro... em Londres, no período da industrialização, os fumos pretos "pintaram" as árvores que existiam (onde repousavam as borboletas brancas), dando origem a uma mutação nas borboletas brancas para uma nova espécie mais escura...
Dá medo não dá? Parece que da próxima vez que dissermos "quando as galinhas tiverem dentes", vamos ter de pensar duas vezes, pois talvez isso já não signifique o dia de "são nunca"!!
E pimba, mais três que resistiram ao "Dum-dum", mas não à minha mão!!*****

4 comentários:

johnny D disse...

O tempo está todo mudado, e a verdade é que o aquecimento global já chegou, mas a maior parte das pessoas não quer ver. Já o Verão passado reparei que em Altura a maré vaza não ficou como nos anos anteriores. Desde o ano passado que praticamente não se distingue a maré vaza da cheia, enquanto que nos outros anos o areal na maré vaza estendia-se por dezenas de metros. O que é isto senão uma consequência do aquecimento global? Se alguém tiver outra explicação gostava de a ouvir, estou receptivo a novas ideias.

Meguita disse...

Penso que se n houver medidas correctivas urgentes, vamos acabar por se calhar nos mesmos assistir ao fim deste planeta azul.
Lamento que os governantes só pensem em guito e mais guito, penso que seja altura de nos unirmos e tentar reduzir a poluição, tentar ter melhores transportes, horarios coincidentes e polos para não andarmos dispersos pelas cidades.
Façam qualquer coisa antes que seja tarde demais...

Bahama Mama disse...

O problema está em falar,falar, falar e não se fazer nada! Toda a gente sabe e tem plena consciência dos males que por aí vêm devido ao desrespeitador comportamento humano para com a Natureza. E quem não sabe é porque não quer saber.
Todos estamos consciencializados de que o aquecimento global se deve a inúmeras e diversificadas atitudes puramente humanas que prejudicam não só o ambiente, como todos os seres vivos incluidos nesse ambiente (inclusive nós). Mas enfim!
Concordo contigo, o Inverno já não chega a tempo e horas. E aquele mosquito que lá anda no meu quarto não deixa de me chatear durante a noite.
Quanto à resistência desses nossos "amigos" ao (pouco) frio que se vai sentindo e ao Dum-dum não o vejo de um modo tão dramático como tu!
Isso só prova que a Natureza, apesar de todas as agressões que lhe fazemos, ainda vai funcionado dentro da normalidade. É normal os seres irem ganhando resistências, até nós ganhamos(ex. dos antibióticos), faz parte da evolução.O exemplo que dás, das borboletas, é um exemplo estudado no 11º ano de biologia para melhor entender a selecção natural.É tudo uma questão de evolução e adaptação ao meio.
Mas a verdade é que o "tempo anda maluco", isso eu não discordo nem ninguém pode discordar. É sempre necessário textos como este para pôr as pessoas a reflectir sobre certas e determinadas condutas.

meguita disse: "Façam qualquer coisa antes que seja tarde demais..."

Eu não digo "façam", digo "temos de fazer" algo para mudar isto! É uma tarefa que cabe a todos nós, não podemos estar sempre à espera dos outros!


:)

Strawie disse...

Cara bahama mama... concordo plenamente contigo, daí o texto a ver se alerto o resto do mundo ou pelo menos uma ou outra pessoa... sempre é mais gente do que ninguém:)... quanto à minha cena dramática do dum-dum, lol, foi só um desabafo de 3 noites sem dormir... ficamos tipo os bébés sabes?? E depois ainda temos de aguentar acordados o resto do dia... chega à noite e é normal que fique sem paciência... Ou os matava com a mão, ou tomava algo para dormir e acordava toda picada... o exemplo das borboletas relembrei-o exactamente por isso... pela adaptação ao meio, que é coisa que as pessoas se esqueçem que os animais conseguem fazer!!!

Sê benvinda a este modesto blog!

:)